Editar linhas de comando no terminal

Eu uso muito o terminal, é incrível como a boa e velha interface de linha de comando cli continua relevante e simplesmente a forma mais rápida de comandar um computador apesar de tantos anos de evolução da informática.

Simplesmente ainda não descobrimos uma forma melhor de entrar comandos mas com o passar do tempo esses comandos foram crescendo e se tornando praticamente pequenos programas, as vezes com algumas linhas de código e até coisas difíceis de editar como expressões regulares por exemplo.

As vezes tudo que queremos é algum recurso simples de um editor de texto e editar os comandos de forma mais eficiente e confortável. E o melhor é que temos isso pronto, basta lembrar de uma rápida combinação de teclas que já esta ai para você no seu terminal favorito.

Veja o vídeo desse arquivo aqui.

Para editar linhas de comando longas de forma mais conveniente você pode usar seu editor de texto favorito, para isso basta usar o atalho ^xe (mantenha a tecla control pressionada enquanto pressiona as teclas x e depois e)

Caso você queira usar outro editor basta preencher a variável EDITOR no load do seu zsh ou bash, mas eu aconselho a usar um editor bem leve como o vim. Nem todos os editores podem ser usados, vale testar e brincar um pouco antes de escolher qual você vai usar.

Por exemplo:

EDITOR=nano

Outra coisa importante é tomar cuidado se o seu editor gera arquivos de backup ou cache, pode ser uma boa ideia desabilitar esse recurso para evitar que ele faça isso e acabe gerando arquivos perdidos no seu diretório temporário, sem contar a possibilidade de falha de segurança e de ele restaurar o comando antigo atrapalhando seu trabalho no terminal.

Esses segredinhos da linha de comando são divertidos e úteis, se você tiver alguma dica legal como essa me de um alo no Telegram.

Cesar Gimenes