Sobre mim e minha carreira como programador

Cesar Gimenes - programador Desenvolver software é uma carreira desafiadora e apaixonante, eu trabalho como programador já faz bastante tempo, durante os anos criei softwares para os mais diversos fins e mercados, criei aplicativos mobile para indústria farmacêutica, criei um ERP para uma empresa ambiental, APIs e serviços, e por ai vai. Minha motivação como programador é resolver problemas interessantes ao mesmo tempo que contribuo para tornar processos mais eficientes.

Hoje meu foco esta em desenvolver para a nuvem, criando serviços e tecnologias e ajudando meus clientes a diminuir custos.

Mentoria

De vez em quando aparece a oportunidade de mentorar programadores que estão iniciando em Golang ou ajudar empresas que querem migrar para novas tecnologias. E é sempre um prazer poder ajudar.

Consultoria

Já trabalhei várias vezes como consultor. É muito interessante porque me da a oportunidade de conversar com lideres técnicos de outras empresas e sempre acabo aprendendo alguma coisa no processo.

Você pode me encontrar em

Ou se preferir mande um e-mail para crg@crg.eti.br

Minhas linguagens favoritas

Essa lista de linguagens favoritas tende a mudar ligeiramente conforme o tempo passa. Rust entrou recentemente na lista enquanto lua e C estão ai já tem muito tempo.

No geral eu prefiro linguagens compiladas. O compilador resolve vários problemas que são difíceis de depurar em tempo de execução. Um dos motivos do amor a primeira vista com Golang foi justamente o incrível compilador que desde o início foi desenvolvido para velocidade.

Essa velocidade entre os ciclos de edição, compilação e testes é bastante importante porque eu prefiro fazer pequenas mudanças no código fonte e testar muitas vezes e experimentar alternativas. Sem um compilador rápido isso fica bem complicado.

Linguagens interpretadas tem uma vantagem nesse ponto, é muito mais rápido fazer pequenas mudanças porque não tem a etapa de compilação, então é só edita e testa em um loop :D

Mas interpretadores tem uma falha fatal em todos eles, se alguma parte do código não estiver coberta por testes nada garante que o programa quebre exatamente ali.

Claro, hoje em dia existem muitas ferramentas de analise estática que diminuem significativamente esse problema eu também as uso inclusive para linguagens compiladas, mas isso é trapaça, o compilador é em essência uma grande ferramenta de analise estática.

Espero que isso de uma boa visão da forma como eu gosto de trabalhar, ciclos muito curtos de testes e implementar aos poucos, experimentando cada etapa do código.

Hobbies e interesses

Programar, Eletrônica, Escrever tutoriais de programação, Aeromodelismo, Arduino, DIY, Table top RPG

Programar e eletrônica para mim estão naquela area cinza entre trabalho e diversão eu realmente gosto do que eu faço.